defendemos o fumante, não o fumo: 
quer parar de fumar ou reduzir?
 

arquitetura
daaz / arquitetura

Ventilação e circulação de ar - trechos de "O Uso Eficiente da Ventilação - ABRESI"

 

Todo ambiente habitado por pessoas necessita de ventilação. Nossa respiração produz dióxido de carbono e carrega vírus e bactérias. As atividades de cozinhar, limpar e fumar liberam partículas e gases que contribuem para a poluição do ar. Espaços deficientemente ventilados contribuem para o desconforto e podem tornar o ambiente intolerável.

 

Outro fator que contribui para o desconforto é o calor. O ar é aquecido por fogões/fornos, iluminação, lareiras e aquecedores, computadores e também pelo calor produzido por nossos corpos.

 

Existem dois processos de ventilação, o natural e o mecânico, e compreendê-los e associá-los corretamente é a chave para uma circulação eficiente do ar.

 

O ar aquecido desloca-se naturalmente para o alto por ser mais leve. É o fenômeno que provoca a flutuação dos balões de ar quente, e que em arquitetura chamamos de "efeito chaminé". Em maior escala, é ele o responsável pelos ventos. É sempre fundamental haver aberturas que permitam a saída do ar aquecido e outras que permitam a entrada natural de ar mais novo e frio.

 

Verificar a predominância dos ventos é também fundamental. Sem essa verificação a força dos ventos pode impedir a saída do ar quente e viciado, impedindo a circulação natural. Tirar proveito desta força para colaborar com o "efeito chaminé" torna mais eficiente a renovação do ar viciado.

 

A ventilação mecânica pode ser usada em conjunto com a natural, mas não consegue anular o fenômeno do "efeito chaminé" ou as forças dos ventos. As verificações citadas anteriormente jamais podem ser ignoradas.

 

Entre os processos mecânicos podemos listar insufladores, exaustores e ventiladores. O ar condicionado, por exemplo, insufla ar frio, que naturalmente cria mais pressão auxiliando na saída do ar aquecido.

 

Não há necessidade de criar correntes de ar intensas, nem tampouco resfriá-lo em excesso, pois em ambos os casos pode-se causar desconforto. Basta um fluxo suave e constante. A verificação dos fluxos de ar num ambiente pode ser feita utilizando tiras de papel de seda ou fumaça de insensos/cigarros.

 

A chave para uma circulação eficiente de ar e conforto ambiental está no bom posicionamento das fontes de calor e poluição, que devem sempre estar próximas das áreas de exaustão.

 

Localizar as áreas fumantes no final do fluxo de ar impede que a fumaça retorne ao restante do ambiente tornando-o mais saudável.

 

tudo fechado

Tudo fechado

 

Efeito Chaminé

 

Mecânica

 

O Uso Eficiente da Ventilação (PDF)

 

Atenção: Os artigos do Eufumo não tem a intenção de fornecer recomendação médica, diagnóstico ou tratamento.