defendemos o fumante, não o fumo: 
quer parar de fumar ou reduzir?
 

notícias&artigos - 2011
estudo desestimula fumantes a procurar benefícios para sua saúde

"Não consuma vitaminas pois isso fará com que você fume mais", diz o estudo publicado esta semana na revista Veja.

 

Ao invés de buscar alernativas para fumantes enquanto não conseguem parar, como fazemos no EuFumo, estudos como estes parecem passar a mensagem:

 

"A única coisa que você, fumante, pode fazer pela sua saúde é parar de fumar. Enquanto não consegue, melhor não fazer nada."

 

Estudos demonstram que fumantes têm outros maus hábitos além de fumar: apenas 8% dos homens e 2,5% das mulheres ingerem níveis adequados de vitamina E. Normalmente sua dieta é rica em carnes e pobre em frutas e verduras (fontes de antioxidantes, que os fumantes necessitam para repor o que o cigarro retira do organismo).

 

O fumante sabe que o aumento do consumo de cigarros depende de fatores muito mais complexos do que um simples "estou protegido por vitaminas então vou fumar mais". Pelo contrário: cuidar melhor da saúde seja pela alimentação, prática de exercícios, ingestão maior de líquidos, beber menos álcool, etc, diminui o consumo de cigarros. E está provado que o efeito combinado de vitaminas E e C são benéficos para o fumante. Assim como o consumo de brócolis, por exemplo.

 

O fumante não deve ignorar as orientações para a sua saúde baseado em estudos que associam esse cuidado a um aumento de consumo, pois corre o risco de ter sua saúde frágil ainda mais prejudicada.

 

Atenção: Os artigos do Eufumo não tem a intenção de fornecer recomendação médica, diagnóstico ou tratamento.

 

a matéria original


 

Consumo de vitaminas reforça o hábito de fumar

Veja - Tabagismo - 03/08/2011

 

Fumante que toma suplementos crê estar protegido contra riscos do cigarro

 

Ao ingerir suplementos de vitaminas, pessoas viciadas em cigarro tendem a fumar ainda mais. É o que indica um estudo publicado no periódico especializado Addiction. Isso aconteceria porque, ao ingerir uma dose extra de vitaminas todos os dias, os fumantes passam a crer que sua saúde está protegida, o que lhes permitiria consumir mais cigarros sem correr riscos. O efeito compensatório é conhecido pela psicologia e funciona como um brinde: uma pessoa que ficou toda a semana sem beber, por exemplo, teria “direito” a um fim de semana de bebedeira.

 

O estudo descreve dois experimentos. No primeiro, 74 fumantes receberam comprimidos de placebo e foram divididos em dois grupos: apenas para uma metade foi dito que as pílulas eram de vitamina C. Aqueles que pensavam estar tomando vitamina acabaram fumando quase o dobro dos que tomavam placebo (grupo controle) e informaram ainda se sentir invulneráveis aos riscos do cigarro.

 

O segundo experimento foi uma versão expandida do primeiro, com 80 participantes, metade dos quais acreditava estar tomando vitaminas. Aqueles que acreditavam estar tomando as multivitaminas, novamente, fumaram mais do que o grupo controle. Mas, dessa vez, os pesquisadores descobriram que, entre os que achavam estar tomando vitaminas, aqueles que tinham uma postura mais positiva frente aos benefícios do suplemento tinham também uma maior sensação de invulnerabilidade. Assim, acabavam fumando muito mais do que os parceiros menos entusiasmados. Em outras palavras, quanto mais o fumante acreditava que as pílulas de multivitaminas beneficiavam sua saúde, mais eles fumavam.

 

Segundo os pesquisadores, fumantes que tomam vitaminas e têm consciência sobre seus benefícios podem acabar desenvolvendo crenças falsas de que estão ilesos aos maiores perigos de saúde associados ao cigarro. Para Wen-Bin Chiou, coordenador da pesquisa, isso acaba levando-os a fumar ainda mais, aumentando os riscos para a saúde em geral. “Eles podem se enganar e acreditar que estão protegidos contra o câncer e outras doenças. Saber que as multivitaminas não previnem o câncer poderia ajudar o fumante a controlar seu vício ou mesmo a tentar parar”, diz.

 

 

 

Endereço da página:

Consumo de vitaminas reforça o hábito de fumar